Notícias

Metal Mecânica

11/08/2017 - IPESI INFORMA

Empresas do setor metalmecânico fazem compras conjuntas e conseguem forte redução nos preços

Compras conjuntas possibilitam uma grande economia. Um exemplo é apresentado pelas empresas participantes da Rede Nordeste Metalmecânica (Renome), do Sindicato das Indústrias Metalúrgicas, Mecânicas e de Material Elétrico do Ceará (Simec), instalada em Limoeiro do Norte, que realizaram mais uma compra conjunta em julho. A Renome é desenvolvida pelo Simec e Sebrae.

Os principais itens comprados foram: gás de solda (custava R$ 250,00 e caiu para R$ 130,00), solda MIG 0,80 (custava R$ 180,00 e caiu para R$ 99,00), eletrodo elétrico e revestido (custava R$ 27,00 o kg e caiu para R$ 10,00). Os descontos, de acordo com o presidente do Simec, Sampaio Filho, possibilitam o aumento da margem de lucro e da competitividade perante a concorrência do mercado.

Atualmente, 14 empresas participam da Renome. O objetivo da rede é aumentar o poder de negociação e reduzir acentuadamente os custos de produção das empresas associadas. Além dessas vantagens, quem aderir à rede, poderá eliminar intermediários que encarecem o custo final da matéria-prima, conseguir melhores condições de pagamento e prazos diferenciados para quitação, diminuir gasto com frete (deixa de ser individual para ser coletivo), ter acesso a grandes fornecedores e distribuidores regionais, trabalhar marketing conjunto, dividindo custos com divulgação e encartes.

Comente essa notícia