Notícias

Eletrônica e Informática

01/11/2017 - IPESI INFORMA

Finep cria linha de crédito para empresas que investirem em pesquisa

Empresa pública de fomento à ciência, tecnologia e inovação, a Finep - Financiadora de Estudos e Projetos lançou uma linha de crédito para empresas que investirem em projetos de pesquisa e desenvolvimento em parceria com institutos de ciência e tecnologia ou universidades.

O Finep Conecta prevê taxas de juros menores com prazos e carências mais longos e terá disponível R$ 500 milhões para financiar projetos que se enquadrem nos requisitos. Dependendo do grau de inovação da proposta, a Finep vai financiar até 100% do projeto, que deve ter valor mínimo de R$ 5 milhões.

O prazo de retorno do empréstimo chega a 16 anos. Qualquer tipo de Projeto Estratégico de Inovação (PEI) apresentado pela empresa será analisado.

Os recursos disponíveis serão da própria Finep, que é vinculada ao Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações e, por isso, caso seja necessário, o orçamento poderá se ampliado. A Finep financia tanto empresas na área de P&D quanto universidades.

O conceito por trás da Finep Conecta é a constatação de que, praticamente no mundo inteiro, a pesquisa e a inovação são feitas dentro de empresas, que em geral são os maiores empregadores na área científica. Na Coreia, por exemplo, 80% dos pesquisadores estão nas empresas. No Brasil, são 20%. Os outros 80% estão nas universidades ou nos laboratórios públicos.

Além do mais, no Brasil, as empresas não costumam gerar ideias inovadoras porque os pesquisadores não são contratados, e estes acabam por se dedicar mais às suas teses e estudos do que a projetos que interessem ao setor produtivo. O programa também tentará corrigir essa distorção, na medida em que será a empresa que definirá o que o pesquisador irá desenvolver.

Comente essa notícia