Notícias

Eletrônica e Informática

04/04/2018 - IPESI INFORMA

Célula solar de silício monocristalino bate recorde de eficiência

A Trina Solar anunciou que seu Laboratório Estadual Principal (SKL) de Ciência e Tecnologia Fotovoltaica (PVST) estabeleceu um novo recorde de 25,04% de eficiência de área total para uma célula solar de Contato Interdigitado Posterior (IBC - Interdigitated Back Contact) de silício monocristalino (c- Si) de tipo-n de área grande (243,18 cm²), com tensão de circuito aberto máximo de 715,6 mV. O resultado foi certificado de forma independente pelo Laboratório de Tecnologia Ambiental e Segurança Elétrica do Japão (JET).

A célula solar IBC é a mais complicada que existe atualmente, porém, conta com a maior eficiência celular para células solares de c-Si de produção em massa. A célula solar de silício monocristalino de tipo-n detentora do recorde foi fabricada em um substrato de silicone Cz dotado de fósforo industrial de grandes dimensões com um processo IBC industrial de baixo custo, contando com tecnologias de lubrificação de tubos convencionais e metalização totalmente impressa. A célula solar de 6 polegadas atingiu uma eficiência em área total de 25,04%, como medido independentemente pelo JET no Japão. A célula solar IBC tem uma área total medida de 243,18cm² e foi medida sem qualquer abertura. A célula apresenta as seguintes características: uma tensão de circuito aberto Voc de 715,6 mV, uma densidade de corrente de curto-circuito Jsc de 42,27 mA/cm² e um fator de preenchimento FF de 82,81%. Ela demonstrou ser a primeira célula solar de c-Si de junção única desenvolvida na China a obter uma eficiência superior a 25% e também demonstrou ter a mais alta performance com base em um substrato de c-Si de grande área de 6 polegadas.

Como a maior fornecedora de módulos fotovoltaicos (PV) e a líder em soluções totais de PV, a Trina Solar tem como objetivo ser a líder mundial na Internet das Coisas do Setor de Energia. O Laboratório Estadual Principal de Ciência e Tecnologia de PV da companhia é um dos primeiros baseados em empresas de PV e é acreditado pelo Ministério da Ciência e Tecnologia da China. Até agora, o laboratório a 10 recordes mundiais em eficiência de célula PV e potência de módulo.

Comente essa notícia