Notícias

Metal Mecânica

05/04/2018 - IPESI INFORMA

Novos métodos e ferramentas tornam torneamento interno mais eficiente

Depois do lançamento do método e das ferramentas PrimeTurning para operações de torneamento externo em 2017, a Sandvik Coromant introduz uma cabeça CoroTurn Prime SL específica, que disponibiliza esse processo para operações de torneamento interno. A nova cabeça SL atenderá às necessidades dos setores de petróleo e gás, aeroespacial e outros fabricantes que usinam diâmetros maiores que 90 mm (3,5 pol.) e com balanços até 8-10xD.

"A capacidade de usinar de dentro para fora que a solução da cabeça CoroTurn Prime SL propicia, junto com as técnicas PrimeTurning, promove excelente escoamento e controle de cavacos," afirma Hakan Ericksson, gerente de produto - Torneamento Geral, Sandvik Coromant. "Por sua vez, os fabricantes podem obter excelente acabamento superficial devido à alta produtividade, vida útil mais longa da ferramenta e alta taxa de utilização da máquina."

Diferentemente do torneamento interno convencional, o PrimeTurning vê a ferramenta entrar no material na extremidade do mandril da peça e remover o metal quando volta para a direção da saída do furo (de dentro para fora). Isso permite a aplicação de um pequeno ângulo de posição que proporciona ganhos significativos de produtividade. Porém, se necessário, outra variante também está disponível com um tip seat reverso que permite realizar o PrimeTurning na direção oposta (de fora para dentro).

Há dois tipos de pastilhas para o PrimeTurning interno: Tipo A para perfilamento, acabamento e desbaste leve; tipo B para operações de desbaste ao acabamento.

A velocidade e as faixas de avanço podem ser duplicadas eficientemente com o PrimeTurning. Isso porque o ângulo de posição pequeno e o ângulo de ataque maior geram cavacos mais finos e mais largos que afastam a carga e o calor do raio de ponta, resultando em dados de corte mais altos e/ou maior vida útil da ferramenta. Além disso, como o corte é realizado na direção contrária do canto, não há risco de haver entupimento de cavacos, um efeito comum e muito indesejado do torneamento interno convencional.

Com as cabeças CoroTurn Prime SL, é possível criar uma grande variedade de combinações de ferramentas usando um pequeno estoque de adaptadores e cabeças de corte. As cabeças SL estão disponíveis em diâmetros de 40 mm (1,575 pol.) e se ajustam às barras inteiriças de aço e às barras de metal duro, bem como às barras de mandrilar antivibratórias Silent Tools para usinagem interna sem vibrações.

Em um desenvolvimento extra, a companhia agora pode oferecer a nova geometria -H3 para eliminar problemas de controle de cavacos, que pode ser um desafio ao usinar aços com baixo teor de carbono e de alta tensão.A geometria -H3 está disponível para pastilhas do tipo B nas classes GC4325, GC1115 e H13A.

Comente essa notícia