Notícias

Eletrônica e Informática

08/08/2018 - IPESI INFORMA

Produção do setor eletroeletrônico cresce 7,6% no acumulado do primeiro semestre

A produção industrial do setor eletroeletrônico recuou 4,6% no mês de junho em relação a maio. É o que mostram os dados divulgados pelo IBGE e agregados pela Associação Brasileira da Indústria Elétrica e Eletrônica (Abinee). O desempenho negativo foi influenciado pela retração da área eletrônica (-13,2%), enquanto a área elétrica apresentou resultado positivo (+3,2%).

"A queda ocorreu mesmo em relação a uma base fraca de comparação (maio), uma vez que a produção verificada naquele mês foi prejudicada pela greve dos caminhoneiros", diz o presidente da Abinee, Humberto Barbato.

A maior queda na área eletrônica ocorreu no segmento de aparelhos de áudio e vídeo (-30,6%), no qual estão inseridos os televisores, em razão do fim da Copa do Mundo de Futebol. Os equipamentos de informática (+6,6%) foram o único segmento a apontar incremento na área eletrônica. Na área elétrica, o aumento ocorreu na produção de todos os segmentos analisados, com destaque para a elevação de 10,6% nas pilhas e baterias.

Em relação a junho do ano passado, a produção de bens do setor ficou praticamente estável (+0,3%), com aumento na área eletrônica (+1,1%) e redução na elétrica (-0,4%).

Já no acumulado dos seis primeiros meses de 2018, a produção industrial do setor eletroeletrônico cresceu 7,6% em relação ao mesmo período de 2017. Esse incremento foi estimulado pela elevação de 18,2% na área eletrônica, uma vez que a produção da área elétrica recuou 1,3%.

Comente essa notícia