Metal Mecânica

Mercopar movimenta para R$ 65,7 milhões em negócios

Mais de 16 mil pessoas circularam pela Mercopar-Feira de Inovação Industrial, durante os dias 1 e 3 de outubro, em Caxias do Sul (RS), contribuindo para um crescimento de 21% na geração de recursos nas negociações realizadas pelos expositores, bem como nas rodadas de negócio que ocorreram durante o evento. “Passamos de R$ 54,4 milhões em 2018 para R$ 65,7 milhões este ano, o que nos faz crer numa retomada do setor industrial ainda mais ágil do que se esperava”, comemora o presidente do Sistema Fiergs e do Conselho Deliberativo Estadual do Sebrae RS, Gilberto Porcello Petry.

Para o presidente, a sinergia entre a Fiergs, que possui apelo muito grande junto ao meio industrial, e o Sebrae RS, com sua expertise na realização do evento, promoveu uma feira 63% maior em número de expositores, totalizando 315 empresas nesta edição. “A Mercopar se consolida, cada vez mais, como oportunidade concreta de realização de negócios, espaço onde grandes e pequenas empresas se encontram para resolver e efetivar demandas comuns”, disse.

Segundo pesquisa realizada no último dia da feira, para 92,4% dos expositores, a Mercopar superou e atendeu as expectativas e 97% dos entrevistados disseram que têm a intenção de participar da próxima edição, índice superior ao registrado em 2018, que foi de 92,3%. “Voltamos com força total. Juntos com a Fiergs, nosso parceiro estratégico, conseguimos superar todas as metas propostas e já estamos trabalhando para fazermos uma feira ainda mais qualificada em 2020, levando mais tecnologia, mais inovação e promovendo outras ações que aproximem as grandes empresas do setor industrial das pequenas de base tecnológicas e startups, provendo parcerias entre si”, acrescenta o diretor-superintendente do Sebrae RS, André Vanoni de Godoy.

A Mercopar 2019 apresentou novos conceitos, desmistificou paradigmas em relação à Indústria 4.0 e promoveu a maior Rodada de Negócios já realizada pelo Sebrae RS. “Os números positivos apresentados pela pesquisa e sentidos por nós durante a feira, na medida em que conversávamos com expositores e empreendedores participantes, também são resultados da confiança dos parceiros que nos ajudaram a fazer esta edição do evento”, destacou o diretor Técnico do Sebrae RS, Ayrton Pinto Ramos. Conforme o dirigente, a feira contou com a parceria da Marcopolo e da Randon (Projeto Hélice), da Sicredi Pioneira e do governo do Estado, por meio do Porto de Rio Grande. Nossa meta e desafio era receber 13 mil pessoas na Mercopar 2019 e chegamos a mais de 16 mil visitantes. Estamos muito satisfeitos com o desempenho da feira e de todos os reflexos positivos que ela proporcionou e ainda irá gerar ao setor da indústria em todo Estado”, complementou.

RODADA DE NEGÓCIOS – Entre os dois primeiros dias da Mercopar foi realizada a maior Rodada de Negócios da história do Sebrae RS. Um total de 75 compradores e 310 vendedores efetivaram em torno de 40 reuniões de negócios cada, com duração de 15 minutos. A dinâmica e agilidade foram alguns dos pontos marcantes da atividade. O supervisor de suprimentos da São José Industrial, Fábio Herman, buscava produtos inovadores. “Somos fabricantes de implementos agrícolas e achei as rodadas interessantes. Realizei 27 reuniões e fiquei interessado em pelo menos 12 fornecedores. Gosto de reuniões sucintas, é assim que fazemos na fábrica”, afirma Herman.

MERCOPAR 2020 – A próxima edição da Mercopar já tem data marcada. Acontecerá a partir do dia 6 de outubro de 2020, focada nos setores metalmecânico, eletroeletrônico, automação industrial, movimentação e armazenagem de materiais, serviços industriais, borracha, energia e meio ambiente, plásticos, Tecnologia da Informação (TI), voltadas à Industria 4.0 e startups.

Etiquetas
Mostrar mais

Artigos relacionados