Metal Mecânica

Pedidos para a indústria de máquinas-ferramenta nos EUA recuam mais de 17% em abril

O volume de pedidos de produtos de tecnologia da manufatura nos Estados Unidos totalizou US$ 344,6 milhões em abril de 2019, o menor volume para o mês, desde 2016, quando os pedidos somaram US$ 293,2 milhões.

O volume de pedidos de abril de 2019 caiu 16,5% em relação a março e 17,6% na comparação com o mesmo mês de 2018, de acordo com os dados publicados pela AMT – The Association For Manufacturing Technology. No primeiro quadrimestre de 2019, os pedidos somaram US$1,48 bilhão, 11,6% menos que no mesmo período de 2018.

“A concorrência no mercado de tecnologia de manufatura de produtos ‘standard’ continua a crescer em intensidade em relação ao crescimento positivo observado em soluções de engenharia”, afirma o presidente da AMT, Douglas K. Woods. “Nossos membros estão nos dizendo que a pronta disponibilidade de produtos eliminou a urgência de os clientes investirem em bens de capital agora, enquanto as questões comerciais levantam sérias preocupações sobre a força contínua do setor manufatureiro no futuro próximo.”

A tendência de queda generalizada nos pedidos foi vista na maioria das indústrias monitoradas, mas houve várias exceções notáveis. O setor aerospacial cresceu num modesto único dígito, enquanto a indústria automotiva cresceu mais de 30% sobre os níveis de março. A força desses dois maiores setores consumidores das indústrias de tecnologia da manufatura não foi suficiente para conter as quedas tanto nos setores usinagem terceirizada, como nas indústrias de motores e de turbinas. Pedidos do setor de implementos estão em queda desde fevereiro de 2019, o que muitos analistas atribuem às atuais tarifas sobre bens agrícolas.

Etiquetas
Mostrar mais

Artigos relacionados