Metal Mecânica

Techmei acontece até 16 de outubro, próxima edição será realizada setembro de 2020

A Techmei, em novo formato, foi aberta ontem e se estende até o dia 16 de outubro no hotel Tivoli Mofarrej, em São Paulo (SP). O primeiro dia do evento foi destinado à discussão das mais recentes tecnologias e tendências de usinagem.

Hoje, 15 de outubro, o evento foca as máquinas de corte e conformação de metais, com apresentações de importantes players do segmento, como Trumpf, Dardi e Hans Laser. No dia 16, o evento enfoca as máquinas de transformação de plástico e automação industrial.

Segundo Paulo Castelo Branco, presidente da Associação Brasileira de Importadores de Máquinas e Equipamentos Industriais (Abimei), promotora do evento, Techmei é marca registrada da Associação, que desde o final de 2018 discutia o projeto que foi concretizado no Congresso que está sendo realizado.

Para quem não se lembra, a Techmei foi lançada em 2008 como uma feira de negócios. A primeira edição foi realizada no antigo Centro de Exposições Imigrantes (atual São Paulo Expo) em setembro. O evento teve cerca de 300 expositores, mas acabou sendo prejudicado com a quebra do banco Lehman Brothers, no dia 15 de setembro. A feira havia sido aberta no dia 14 de setembro. Para quem não se lembra, a crise financeira detonada foi tão forte quanto surpreendente, que à época alguns importadores de máquinas se perguntavam nos corredores da feira o que fariam com as máquinas que estavam em trânsito nos navios para o Brasil, pois os fabricantes de máquinas do exterior também não tinham ainda definido uma política para enfrentar o problema. Aliás, nem podiam, dada a insegurança gerada pela decretação de falência do banco de investimentos.

A Techmei ainda teve uma segunda edição em 2010 e foi realizada no Expo Center Norte. A crise global detonada pela quebra do Lehman Brothers ainda refletia e a feira teve um número bem menor de expositores.

Agora, em 2019, a Techmei é relançada em novo formato, em que se prioriza a divulgação de conteúdo técnico, por meio de palestras, debates e workshops. Já no primeiro dia de evento, pela manhã, havia mais de 350 inscritos e a expectativa de Castelo Branco era que o número aumentasse ainda mais.

Para Castelo Branco, o evento é bem sucedido tanto é que a próxima edição, em 2020, já tem data marcada. Acontecerá de 8 a 10 de setembro, junto com a AMTS-Automotive Manufacturing Tecnology & Material Show, que será realizada no Pavilhão 3 do São Paulo Expo, sob organização da Reed Exhibitions Alcantara Machado.

“A AMTS Brasil vem complementar nosso portfólio ao promover soluções inteligentes para a indústria automotiva fazendo com que seus serviços, tecnologias e produtos se tornem mais produtivos e sustentáveis através da manufatura”, afirma Paulo Octavio Pereira de Almeida, vice-presidente executivo da Reed Exhibitions Alcantara Machado. “A proposta do evento se encaixa com o contexto do Rota 2030, que incentiva a indústria local a investir em inovação.”

O evento é focado no upgrade de tecnologia de manufatura de automóveis e autopeças, reunindo os principais players do setor, como montadoras, sistemistas e fabricantes de autopeças em geral com os principais fornecedores de tecnologia para aumento de produtividade. A expectativa é a de reunir mais de 80 expositores e cinco mil visitantes qualificados.

Além de ser uma oportunidade para visitantes estabelecerem networking e conferirem cases, a AMTS Brasil pretende mostrar que é possível obter ganho de escala e produtividade sem a necessidade de investimentos vultosos. “Empresas visitantes poderão conferir que não se deve pensar que é necessário transformar suas fábricas em uma indústria 4.0 completa da noite para o dia. É possível escalonar e ter melhorias pontuais que levam a ganho de escala com investimentos específicos e progressivos”, afirma Renan Joel, diretor de portfólio da Reed Exhibitions.

A AMTS Brasil reunirá empresas ligadas às áreas de automação, inteligência artificial, controle e gerenciamento virtual, IoT (internet das coisas), eletrificação, engenharia de manufatura e serviços, robótica, integração de tecnologias, software e hardware. Elas poderão apresentar soluções, tendências e inovações tecnológicas para toda a cadeia, que engloba desde as produções das montadoras, passando pelos grandes fabricantes de autopeças até os de menor porte, formando um ambiente ideal para desenvolvimento de negócios e encontro com fornecedores. Outro diferencial deste evento é o de reunir visitantes que lidam com o dia a dia da produção, passando por diretores industriais, engenheiros de produção, gerentes e supervisores.

A AMTS é um evento voltado a integrantes da manufatura da indústria automotiva, composto por uma feira, conferências e experiências. O evento é focado no upgrade de tecnologia de fabricação de automóveis e autopeças, reunindo os principais players do setor, OEMs (original equipment manufacturer) de veículos, integrantes de sistemas, fornecedores de nível 1 ao 3, P&D, componentes, instalações de fabricação, entre outros. No evento, dezenas de expositores dos setores de inteligência artificial, automação, robótica, tecnologia e equipamentos, eletrificação, engenharia e serviços, IoT (internet das coisas), entre outros, têm a oportunidade de apresentar suas soluções para montadoras, empresas e fabricantes de autopeças em geral. Realizada desde 2004 em Xangai, esta é a primeira vez que ela acontecerá no Brasil.

Etiquetas
Mostrar mais

Artigos relacionados