Eletrônica e Informática

Brasileiro demora mais para trocar smartphone

O brasileiro está ficando com o seu smartphone por mais tempo. Atualmente, o usuário possui o seu dispositivo atual há dois anos e nove meses, segundo a pesquisa Panorama Mobile Time/Opinion Box Panorama Mobile Time/Opinion Box  – “O brasileiro e seu smartphone”. Na pesquisa anterior, realizada um ano atrás, o tempo médio era de dois anos e três meses.

Paralelamente, a diferença na média de idade do sistema operacional entre os usuários aumentou ainda mais. Os smartphones equipados com Android, em geral, são mais jovens: seus donos estão com esses aparelhos há dois anos e sete meses, em média – na edição anterior estavam há dois anos e dois meses. Os iPhones, por sua vez, estão nas mãos dos seus donos há três anos e quatro meses, em média – aumento de nove meses na comparação com a edição anterior da pesquisa.

A maior média de idade do iPhone pode ser atribuída à sua maior durabilidade, o que também explica sua maior proporção na venda de usados: 14% dos que compraram o aparelho desta marca optaram por um modelo usado, ante 8% daqueles que compraram Android. Também houve um aumento de sete pontos percentuais no market share da Apple, que agora responde por 20% dos smartphones  em atividade no Brasil.

A Samsung ainda é a líder do mercado, com 40%, mas registrou uma queda de 3 pontos percentuais, o que está dentro da margem de erro. Motorola e LG também registraram quedas, de 3 e 2 pontos percentuais, respectivamente, também dentro da margem de erro. Na outra ponta, a LG tomou uma decisão global de parar de fabricar celulares, portanto, sua base tenderá a desaparecer nos próximos anos.

Entre os fabricantes de aparelhos Android monitorados pela, o único a ganhar participação no mercado brasileiro foi a Xiaomi, que passou de 10% para 13% em um ano.

Analisando-se os resultados da pesquisa TIC Domicílios 2021, é possível estimar que a base de usuários de smartphone no Brasil seja da ordem de 130 milhões de pessoas. Cruzando com os dados deste relatório Panorama Mobile Time/Opinion Box, são 103 milhões de usuários com aparelhos Android, 26 milhões com iOS, e 1 milhão com OS desconhecido.

INTENÇÃO DE COMPRA – Mais da metade, 54%, dos brasileiros querem comprar um smartphone novo nos próximos 12 meses. Três pontos percentuais a mais que na pesquisa do ano passado. A intenção de compra é maior entre os homens (57%) e entre as mulheres (51%). Por faixa etária, o grupo de 30 a 49 anos é aquele mais interessado em trocar de smartphone (57%), enquanto os percentuais são um pouco mais baixos nos grupos de 16 a 29 anos (52%) e com 50 anos ou mais (53%). Entre as regiões do Brasil, aquela com maior proporção de usuários dispostos a comprar um smartphone novo é a Nordeste (58%).

OUTRAS DESCOBERTAS:  – 30% dos smartphones no Brasil estão com a tela arranhada – Os smartphones nas mãos dos jovens de 16 a 29 anos são aqueles que mais apresentam rachaduras no visor (35%). A incidência também é maior entre os consumidores das classes C, D e E (31%), o que pode ser explicado pelo maior tempo de uso dos aparelhos antes da compra de um modelo novo. Outra descoberta é que grande maioria possui capa e película protetora: 92% dos brasileiros com smartphone.

– Apenas 11% têm seguro contra roubo de celular – Embora o roubo de celular seja um problema que aflige os brasileiros nas grandes cidades, apenas 11% dos donos de smartphone protegem seu aparelho com um seguro contra roubo ou furto. A maior proporção é verificada entre os jovens de 16 a 29 anos: 15% têm esse seguro para seu smartphone. No grupo de 30 a 49 anos, somente 7% têm seguro e, na faixa acima de 50 anos, 9%. Por outro lado, 45% dos brasileiros com smartphone usam algum aplicativo de rastreamento do aparelho em caso de perda ou roubo.

A pesquisa Panorama Mobile Time/Opinion Box Panorama Mobile Time/Opinion Box entrevistou entre os dias 13 e 22 de junho 2.104 brasileiros que acessam a Internet e possuem celular. A margem de erro é de 2,1 pontos percentuais e o grau de confiança é de 95%.

Mostrar mais

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo