Metal Mecânica

2021 pode ter sido o melhor ano desde 1998 para o mercado de máquinas-ferramenta dos EUA

Os pedidos de tecnologia da manufatura ultrapassaram US$ 650 milhões em novembro de 2021, de acordo com o mais recente relatório de pedidos do setor nos EUA publicado pela AMT – The Association For Manufacturing Technology. Este é o segundo maior total mensal desde o início do programa em 1998. O valor dos pedidos aumentou quase 14% em relação a outubro de 2021 e mais que dobrou o valor dos pedidos recebidos em novembro de 2020. O total acumulado do ano superou US$ 5,3 bilhões, perto de se tornar o melhor ano da história do programa.

“Os pedidos de novembro ilustram a recuperação contínua, apesar dos desafios contínuos causados ​​pela pandemia. Moldes e matrizes, fabricação de válvulas, forjamento e estampagem e ferragens – setores em declínio devido a décadas de terceirização antes da pandemia – continuaram a voltar devido ao reshoring”, diz Douglas K. Woods, presidente da AMT. “As fábricas mostraram um declínio modesto nos dólares gastos, mas um aumento de dois dígitos nos pedidos, indicando uma necessidade de aumento de capacidade em todo o setor.”

Dois setores importantes que mostram aumento de pedidos, apesar dos desafios contínuos, são os equipamentos aeroespaciais e off-road. O setor aeroespacial enfrentou desafios com cancelamentos de voos e problemas de pessoal que podem prejudicar quaisquer planos de curto prazo para aumentar o tamanho da frota. Apesar dessas interrupções, esse setor quase dobrou seus pedidos em relação ao mês anterior. Equipamentos off-road pesados ​​usados ​​para agricultura, mineração e construção também aumentaram seus pedidos, provavelmente para se precaver contra os aumentos das taxas de juros no país.

“Os setores que fabricam equipamentos off-road de grande porte exigem maquinários mais complexos e altamente customizados para produzi-los, tendem a ser dependentes de financiamento e são sensíveis a taxas de juros”, diz Woods. “Os pedidos vindos desses setores sensíveis às taxas em novembro podem ter sido uma tentativa de bloquear o financiamento antes da reunião do Federal Reserve de dezembro, antecipando quaisquer surpresas que aumentariam o custo dos empréstimos.”

 

Mostrar mais

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo