Metal Mecânica

Alstom amplia fábrica em Taubaté

A Alstom inaugurou  no dia 7 de novembro a ampliação de sua fábrica de material rodante em Taubaté (SP), na presença de seu CEO e presidente do Conselho, Henri Poupart-Lafarge. A empresa investiu R$ 100 milhões para ampliar e modernizar o site industrial, triplicando a área construída, que agora passou para 60 mil m². O investimento faz parte da estratégia de crescimento da companhia, após a assinatura de seis contratos nacionais e internacionais. A produção de dois projetos já começou e a previsão é que todos estejam concluídos gradativamente até 2028. Mais de 170 trens (mais de 940 carros) serão produzidos pela Alstom em Taubaté para as cidades de São Paulo (Brasil), Santiago (Chile), Taipei (Taiwan) e Bucareste (Romênia), destacando a capacidade da instalação de contribuir para projetos de mobilidade em nível global.

Além do investimento na unidade industrial para atender aos atuais projetos, a empresa está contratando gradativamente até março de 2023 cerca de 750 colaboradores no estado de São Paulo, dos quais 700 atuarão na unidade Taubaté. Para isso, cerca de 500 profissionais estão sendo capacitados pelo Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial – Senai Taubaté para atuar diretamente na produção dos projetos.

“Temos buscado oportunidades estratégicas para continuar crescendo e apoiando comunidades na transição para o transporte de passageiros e de carga com emissões baixas e zero. Celebrar a expansão desta fábrica no Brasil é extremamente importante para reforçar nossa posição como referência global em mobilidade sustentável e inovadora, qualidade e satisfação do cliente na indústria metroferroviária”, disse Henri Poupart-Lafarge.

O executive ressaltou, durante o evento, a importância da ampliação da fábrica para alavancar os recursos industriais para aumentar a competitividade da empresa nos mercados onde está presente, seja no Brasil ou em qualquer outro país ou região em âmbito global. “A indústria da mobilidade é atividade essencial para o mercado mundial e para a sociedade em geral. Temos buscado oportunidades estratégicas para continuar crescendo e apoiando comunidades na transição para o transporte de passageiros e de carga com emissões baixas e zero. Celebrar a expansão desta fábrica no Brasil é extremamente importante para reforçar nossa posição como referência global em mobilidade sustentável e inovadora, qualidade e satisfação do cliente na indústria metroferroviária.”

A Alstom produzirá em Taubaté:

– Trinta e seis trens Metropolis de 8 carros cada para Linhas 8 e 9 da Rede Metropolitanos de São Paulo;

–  Vinte e dois trens Metropolis de 6 carros da Linha 6 – Laranja de metrô de São Paulo;

–  Trinta e sete trens Metropolis, com 5 carros cada, para a Linha 7 do Metrô de Santiago do Chile;

–  Treze trens (78 carros) para a Linha 5 do Metrô de Bucareste, Romênia;

–  Trinta e cinco trens Metropolis de 4 carros cada para extensão da Linha 7 do Metrô de Taipei, Taiwan;

–  Vinte e nove trens Metropolis de 4 carros cada para Fase II da Linha Circular de Taipei, Taiwan.

 

Mostrar mais

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo