Metal Mecânica

Com aquisição da fábrica da Daimler em Iracemápolis, GWM busca ampliar presença no mercado sul-americano

A GWM assinou acordo para a aquisição da fábrica da Daimler em Iracemápolis (SP) no dia 18 de agosto. O acordo estipula a transferência da propriedade do terreno, edifícios, maquinário e quaisquer outros bens da fábrica de Iracemápolis, com exceção dos funcionários, para a GWM. A expectativa é que transferência definitiva seja realizada até o final de 2021.

Após assumir a fábrica, a GWM prevê apresentar  conceitos avançados de produção, controle de qualidade, proteção ambiental e gestão de informações que estejam alinhados com seus padrões globais de fabricação, de modo a transformar a fábrica em uma base de produção inteligente que atenda às demandas do Brasil e de outros países da América do Sul. Ao mesmo tempo, a fábrica criará quase dois mil empregos, impulsionará o desenvolvimento de setores locais envolvidos no apoio, P&D e outros serviços, promoverá a transformação e atualização adicionais do conjunto de indústrias local.

A América do Sul tem atuado como um dos importantes mercados estratégicos da GWM, que começou a atuar no Chile em 2007 e alcançou resultados notáveis. Os primeiros modelos de caminhonetes e SUVs Haval vendidos foram conseguiram popularidade entre os usuários locais, o que reforçou a determinação da GWM de se aventurar ainda mais no mercado sul-americano. O Brasil lidera todos os países da América do Sul em termos de força econômica, território e população e atua como um dos sete maiores mercados automotivos do mundo, com imenso potencial de consumo de automóveis. Além disso, a GWM considerou o Brasil como um importante mercado estratégico para aumentar sua presença na América do Sul e está comprometida em estudar a preferência dos consumidores locais e as mudanças no mercado automotivo. Nesse caso, após adquirir a fábrica de Iracemápolis, a GWM aproveitará as vantagens geográficas para promover seu desenvolvimento e a implementação de suas estratégias no mercado sul-americano, beneficiando os usuários locais com uma experiência de viagem inteligente, segura e de última geração.

Atualmente, as vendas da GWM vêm aumentando em meio à Covid-19, que continua a afetar os mercados automotivos internacionais. Nos primeiros sete meses de 2021, as vendas internacionais da GWM aumentaram 176,2% em relação ao ano anterior, o que melhorou sua confiança na globalização. A fábrica de Iracemápolis, como uma base importante para explorar o mercado sul-americano, demonstra ainda mais a capacidade estratégica da GWM de buscar progresso na adversidade. No futuro, a “estrutura global” da GWM tomará forma, com fábricas para atender à China, Rússia, Tailândia, Índia, Brasil e outros mercados estratégicos e unirá as 500 redes de vendas em todo o mundo. Isso ajudará a ampliar ainda mais a presença global da GWM, contribuir para seu objetivo ambicioso de vender quatro milhões de veículos em todo o mundo até 2025.

 

Mostrar mais

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo