Artigos e Cases

Entre a vida e a sorte, escolha viver com segurança

Marcos Madureira

Todas as decisões significativas em nossa vida são fundamentadas em algo além da sorte. Seja o planejamento cuidadoso, a aplicação de técnicas adequadas ou o conhecimento aprofundado sobre o assunto, sempre há indicativos que apontam para a melhor escolha. Assim, sem dúvidas, esse mesmo princípio deve ser aplicado quando nos envolvemos em atividades próximas a redes elétricas. Por que arriscar a vida ao realizar uma ação ou tarefa que não dominamos? Mesmo se tivermos habilidades e experiência, por que não avaliar minuciosamente todo o contexto antes e eliminar qualquer possibilidade de perigo? Ao optar por agir com segurança, estamos escolhendo cautela, avaliação criteriosa e, acima de tudo, preservar a vida.

Por isso, é tão importante a mensagem trazida pela Campanha Nacional de Segurança, capitaneada pela Abradee (Associação Brasileira de Distribuidores de Energia Elétrica) com o apoio imprescindível de cada uma das nossas 39 distribuidoras associadas: “Se ligue! Entre a vida e a sorte, escolha viver com segurança.” Numa verdadeira força-conjunta para preservar vidas, o objetivo dessa iniciativa é conscientizar a população de que acidentes podem acontecer com a gente, não apenas com os outros.

Com este fim, a Associação inaugura no calendário nacional o Agosto Vermelho: mês de conscientização sobre acidentes com a rede elétrica. Essas campanhas marcadas por meses no calendário são de extrema importância, pois ajudam a sensibilizar a população para questões preventivas. Além disso, elas ajudam também a mobilizar a sociedade para ações concretas, como a conscientização e mudança de comportamento.

A energia nos rodeia todo o tempo, nos momentos de trabalho e lazer, ela nos move. E que bom que podemos contar com ela, mas precisamos ficar alertas para usá-la com segurança, fazendo escolhas conscientes, jamais permitindo que a sorte seja a protagonista. Vejam, durante o ano de 2022, foram registrados 756 acidentes envolvendo a rede elétrica no Brasil. Do total, 270 foram fatais, 174 são considerados como lesão grave e 312 como lesão leve. No geral os principais motivos estão ligados à construção ou manutenção predial, cabo energizado no solo, furto de condutor/equipamento de energia, ligação elétrica clandestina e incidentes com equipamentos e máquinas agrícolas.

Em relação a 2021, foram 35 mortes a menos, enquanto o número total de acidentes caiu em 80 ocorrências. Isso mostra que estamos no caminho certo, porém há muito ainda a ser realizado. E digo mais: mesmo quando tivermos zerado o número de acidentes, o processo de conscientização continuará, pois, as informações precisam ser reforçadas e compartilhadas sempre, somente assim poderemos garantir que nosso vizinho, nosso amigo ou alguém da nossa família fique bem para viver momentos e escolhas importantes ao nosso lado.

Queremos promover o Agosto Vermelho anualmente para lembrar a população de como é importante cuidar para que atividades próximas à rede elétrica sejam realizadas de forma consciente, escolhendo a segurança em vez da sorte. A promoção de causas sociais e de saúde em meses específicos com cores remetendo a elas é uma prática que deve ser valorizada e incentivada.

Por isso quero convidar você a se juntar a nós nessa campanha, que orienta e protege. Visite nosso site https://campanhadeseguranca.abradee.org.br/ e fique à vontade para compartilhar nossa cartilha com dicas de segurança, nossos posts e vídeos publicados nas redes sociais.

Se ligue! Entre a vida e a sorte, escolha viver com segurança. Vamos, juntos, fazer do Agosto Vermelho uma nova data relevante nesse calendário que salva vidas.

Marcos Madureira é presidente da Associação Brasileira de Distribuidores de Energia Elétrica (Abradee).

Mostrar mais

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo