Eletrônica e Informática

FIEE 2023: Feira que encerra hoje mostra a importância estratégica da indústria eletroeletrônica

A câmera de segurança, o computador de bordo do carro, o celular ou qualquer outro dispositivo móvel de comunicação, a TV de última geração e até mesmo uma simples cafeteira. Tudo que parte da indústria de transformação tem como base as soluções, tecnologias, inovações e produtos do setor eletroeletrônico apresentados durante a FIEE 2023 – Feira Internacional da Indústria Elétrica, Eletrônica, Energia, Automação e Conectividade, que acontece até esta sexta-feira, dia 21 de julho, às 20 horas, no São Paulo Expo, em São Paulo (SP).

Vitrine para a indústria, a feira traz as tendências de modo que possam continuar ganhando escala e competitividade no mercado. “A FIEE nasceu para acompanhar o desenvolvimento do setor industrial e, hoje, após 60 anos, sua posição estratégica é contribuir nesse processo de transição digital preparando-o para as demandas do futuro”, detalha a gerente de produtos FIEE, Haline Ferreira.

PROTAGONISTA DA ERA DIGITAL – Somente em P&D (Pesquisa e Desenvolvimento) o setor eletroeletrônico investiu mais de R$ 2 bilhões, em 2021, para que essas soluções desenvolvidas no passado pudessem estar hoje presentes no dia a dia das pessoas, em diferentes áreas, como automação industrial; equipamentos de segurança eletrônica; equipamentos industriais; geração, transmissão e distribuição de energia elétrica; informática; material elétrico de instalação; telecomunicações; e utilidades domésticas eletroeletrônicas.

“Tudo o que temos na feira é para todos os setores. Costumamos dizer que a indústria eletroeletrônica é a base para o desenvolvimento dos demais setores industriais, como a indústria de mineração ou até a de alimentos e bebidas, por exemplo, que precisam de soluções do nosso setor para se desenvolverem. Atendemos a toda a cadeia”, explica Israel Guratti, gerente de Tecnologia e Política Industrial da Abinee – Associação Brasileira da Indústria Elétrica e Eletrônica.

De acordo com os dados da associação, somente no ano passado o setor faturou cerca de R$ 220 bilhões e empregou mais de 260 mil trabalhadores. No PIB Industrial, a indústria eletroeletrônica foi responsável por uma participação de 9,2%.

“Todo esse contexto e a importância do setor para o país justificam ter esses quatro dias de FIEE, período de exposição para mostrar a todo o conjunto da economia as soluções inovadoras que a indústria eletroeletrônica é capaz de prover”, afirma Guratti. (foto/divulgação)

SERVIÇO:

FIEE – Feira Internacional da Indústria Elétrica e Eletrônica

Data: 18 a 21 de julho de 2023

Horário: das 13h às 20h

Mais informações: https://www.fiee.com.br

 

 

Mostrar mais

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo