Metal Mecânica

Novelis América do Sul e MRS Logística firmam parceria para transporte de contêineres em São Paulo

Uma das maiores produtoras brasileiras de alumínios laminados, a Novelis América do Sul assinou um contrato com a operadora ferroviária MRS Logística para o transporte de bobinas e material reciclado de alumínio.

O contrato terá duração de cinco anos e terá garantia de volume e atendimento, algo até agora inédito no transporte via ferrovia no Brasil. Os produtos da Novelis serão transportados em contêineres.

Para facilitar o escoamento das cargas – cujos destinos serão os portos de Santos (SP), Rio de Janeiro e Itaguaí (RJ) – será construído um terminal exclusivo para conectar a unidade da Novelis de Pindamonhangaba (SP) à linha da MRS.

Prevista para ser concluída no fim de setembro, a construção do novo terminal ferroviário, que será operado pela Novelis, diversificará os modais de transporte da empresa e oferecerá uma alternativa ambientalmente mais sustentável.

Com o projeto, a Novelis calcula que poderá reduzir em até 73% suas emissões de CO2 no transporte de produtos em comparação ao transporte rodoviário. Outra vantagem será o custo obviamente muito mais em conta.

“Para nós da Novelis, que trabalhamos tão fortemente com reciclagem, será também uma maneira de disseminar nosso propósito de ajudar a criar um mundo mais sustentável”, diz Felipe Santos, diretor de suprimentos da empresa.

EXPANSÃO – O contrato da Novelis com a MRS faz, na verdade, parte do projeto de expansão da principal fábrica da empresa no Brasil, a de Pindamonhangaba. Com um investimento de R$ 650 milhões, o projeto prevê um aumento anual da capacidade de produção de chapas de alumínio em 100 mil t a de reciclagem em 60 mil toneladas.

Com a expansão, a fábrica passará a ter capacidade produtiva anual de aproximadamente 680 mil t de laminados e de 450 mil t para reciclagem do metal. Este aumento da capacidade produtiva teria, evidentemente, de ser suportado por melhorias na infraestrutura do sistema logístico da empresa.

No Brasil, a Novelis possui atividades de laminação em Pindamonhangaba e Santo André (SP). A operação local envolve cerca de 1.500 profissionais e alcançou receita de US$ 2,1 bilhões no último ano fiscal.

A fábrica de Pindamonhangaba foi inaugurada em 1977 e conta com cerca de 1.100 colaboradores. A unidade é considerada um dos maiores complexos de laminação e reciclagem de alumínio do mundo.

A empresa conseguiu acompanhar com grande eficiência o crescimento do mercado de latas de alumínio no Brasil, que foi inaugurado no Brasil faz exatamente 30 anos. Tanto por meio do fornecimento de chapas de alumínio para os fabricantes de latas como no trabalho de reciclagem.

Em 2018, de acordo com a Abralatas, a entidade do setor, o consumo de latas de alumínio cresceu 8,5% no Brasil. O crescimento do mercado vem impulsionando também o processo de reciclagem e transformando o metal em um caso de sucesso de economia circular em todo o mundo.

A Novelis tem participação ativa neste mercado, reciclando mais de 60% das latinhas coletadas no país, fazendo do Brasil o líder na reciclagem de latas de alumínio. A empresa mantém 11 centros de coleta de sucata espalhados pelo país.
Já a sua nova parceria, a MRS Logística, administra uma malha ferroviária de 1.643 km nos estados de Minas Gerais, Rio de Janeiro e São Paulo, região que concentra cerca da metade do Produto Interno Bruto (PIB) brasileiro.

Hoje, a companhia está entre as maiores ferrovias de carga do mundo, com movimentação quase quatro vezes superior àquela registrada nos anos 1990. Quase 20% de tudo o que o Brasil exporta e um terço de toda a carga transportada por trens no país passam pelos trilhos da MRS.

Entre as principais cargas transportadas pela MRS estão contêineres (peças automotivas, bebidas, eletroeletrônicos, materiais minerais, polímeros etc.), produtos siderúrgicos, cimento, bauxita, produtos agrícolas, coque, carvão e minério de ferro. (Alberto Mawakdiye)

Mostrar mais

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo