Metal Mecânica

Petrobras lança primeira gasolina carbono neutro do mercado brasileiro

A Petrobras lançou no dia 19 de setembro, a nova gasolina Petrobras Podium carbono neutro, a primeira do mercado brasileiro a ter suas emissões de gases de efeito estufa (GEEs) totalmente compensadas. Como parte da estratégia de fortalecer seu posicionamento na transição energética, a companhia irá compensar as emissões GEEs da gasolina Podium em todo o ciclo de vida do produto, por meio de créditos de carbono gerados por ações de preservação ou de recuperação florestal de biomas nacionais.

Além de ser o primeiro combustível carbono neutro no país, a gasolina Petrobras Podium tem o menor teor de enxofre do mercado e a maior octanagem de fábrica, o que melhora o desempenho do veículo e, também, colabora para a eficiência do transporte e para uma menor emissão de GEEs. “O lançamento da nova gasolina Petrobras Podium carbono neutro impulsiona, ainda mais, nossa estratégia de ofertar combustíveis mais sustentáveis, modernos e eficientes. A nova gasolina antecipa o futuro para esse mercado” afirma o diretor de Comercialização e Logística da Petrobras, Claudio Romeo Schlosser.

A neutralização, via aquisição e aposentadoria de créditos de carbono, tem o objetivo de compensar as emissões de GEEs. A Petrobras mensurou os GEEs emitidos da gasolina Petrobras Podium que sai de sua refinaria pela metodologia de Avaliação do Ciclo de Vida (ACV), com foco no impacto potencial de aquecimento global, e passou essa avaliação por revisão crítica de um painel de especialistas da consultoria ACV Brasil.

A gasolina que chega ao usuário final terá suas emissões previamente compensadas antes da venda do produto ao consumidor. O combustível teve suas emissões determinadas, envolvendo extração e produção das matérias-primas, transportes, processamentos, distribuição e uso final. Dessa forma, a determinação de GEEs considerou todas essas etapas dos produtos que compõe o combustível, ou seja, da gasolina efetivamente produzida pela Petrobras e, também, do etanol anidro adicionado à gasolina.

Segundo o diretor de Transição Energética e Sustentabilidade, Maurício Tolmasquim, “a Petrobras já reduziu em cerca de 40% suas emissões de GEEs desde 2015. Além disso, anunciamos, recentemente, a intenção de ampliar investimentos em renováveis e soluções de baixo carbono. A aquisição de créditos de carbono é complementar e permite ofertar produtos mais sustentáveis, enquanto apoiamos a descarbonização no Brasil, já que a rubrica de mudança de uso da terra é a mais relevante do nosso inventário nacional. O Brasil apresenta uma das matrizes energéticas mais descarbonizadas do mundo.”

A nova Gasolina Petrobras Podium foi desenvolvida no Centro de Pesquisas da Petrobras (Cenpes) e é produzida, atualmente, na Refinaria Presidente Bernardes (RPBC), em Cubatão (SP).

Mostrar mais

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo