Eletrônica e Informática

Unicoba vai automatizar linha de produção de baterias para celulares em Manaus

O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) vai apoiar a automatização da linha de produção de baterias para celulares destinada à Lenovo/Motorola. O projeto faz parte do complexo produtivo da empresa Unicoba da Amazônia, em Manaus (AM). O valor do financiamento será de até R$ 20 milhões, no âmbito do Fundo para o Desenvolvimento Tecnológico das Telecomunicações (Funttel).

A operação compreende a modernização e a automatização de parte da produção, resultando no aperfeiçoamento da qualidade e do design das baterias. Outro objetivo da iniciativa é consolidar a parceria com a Lenovo, para atendimento à demanda da filial brasileira, fortalecendo a indústria nacional de tecnologia de telecomunicações.

“O financiamento do BNDES à expansão de capacidade e à modernização da Unicoba da Amazônia contribui para o fortalecimento da indústria nacional de equipamentos e componentes para telecomunicações. A partir do investimento, a empresa será capaz de fornecer baterias com produção nacional de forma competitiva para uma grande marca global de celulares”, explicas o diretor de Desenvolvimento Produtivo, Inovação e Comércio Exterior do BNDES, José Luis Gordon. Ainda segundo ele, o ganho com a inovação deverá favorecer a competitividade da companhia.

O projeto de automação da linha de produção está aderente à estratégia da companhia para o aumento de eficiência por meio  de  investimentos  nos  processos industriais. O plano de  inovação da Unicoba prevê gastos de R$ 21 milhões com  aquisição  de máquinas e equipamentos novos importados sem similar nacional, e de R$ 4 milhões com capital de giro associado.

Mostrar mais

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo