Eletrônica e Informática

Zona Franca de Manaus terá mais mais 42 projetos industriais, de serviços e agropecuários

A Zona Franca de Manaus (ZFM) terá mais 42 projetos industriais, de serviços e agropecuários, com investimento de R$ 727,3 milhões. Com expectativa de geração de 1.006 novos postos de trabalho e faturamento estimado de R$ 4,2 bilhões, os empreendimentos foram aprovados no dia 25 julho, durante a 310ª Reunião Ordinária do Conselho de Administração da Suframa (CAS).

A terceira reunião do ano do CAS foi presidida pelo vice-presidente da República e ministro do Desenvolvimento, Indústria, Comércio e Serviços (MDIC), Geraldo Alckmin. “Importantes projetos novos e também ampliação de projetos muito bem sucedidos, que vão gerar emprego e renda aqui na Zona Franca de Manaus”, comemorou.

PROJETOS APROVADOS – Dos 42 projetos aprovados, são 35 industriais e de serviços. Entre os destaques estão os projetos da empresa LG Electronics do Brasil Ltda., para produção de monitor de vídeo com tela de luminescência orgânica, para uso em informática, com previsão de investimentos superiores a R$ 4,25 milhões e geração de 23 novos empregos; dois projetos da empresa Cal-Comp Indústria e Comércio de Eletrônicos e Informática Ltda., para produção de distribuidor de conexões para rede (switch) e roteador digital, com investimentos projetados de R$ 396,5 milhões e expectativa de geração de 216 novos empregos. Há ainda projeto da empresa Inventus Power Eletrônica do Brasil, para produção de carregador de bateria para “smartwatch” e fontes e conversores, baseados em técnica digital, para bens de informática, com investimentos projetados de R$ 20,7 milhões e expectativa de geração de 97 novos empregos.

Já os sete projetos agropecuários são para as culturas da mandioca, pecuária e empreendimentos agroflorestais, com investimentos projetados de R$ 10 milhões e expectativa de geração de 33 empregos diretos.

Mostrar mais

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo