Eletrônica e Informática

Expolux aposta em ferramentas digitais para promover atualização técnica e negócios

A Expolux aposta em ferramentas digitais para promover conteúdo qualificado, atualização técnica e oportunidades de negócios. Para uma aproximação de seus públicos de interesse, anuncia parceria com Alberto Biancalana, arquiteto luminotécnico, titular da Ilunato Iluminação, membro da Sociedade Brasileira de Luz e Iluminação – SBLuz e lighttuber, que estará à frente de uma websérie e de lives nos canais oficiais do evento, para debater temas sobre cenário atual e as perspectivas do setor.

 

A primeira transmissão gratuita será em 22 de julho, às 18h, no canal do youtube da Expolux. Para falar sobre “O Futuro da Iluminação Pública”, com presença de Isac Roizenblatt, diretor técnico da Associação Brasileira de Iluminação – Abilux, membro da Illuminating Engineering Society of North America, diretor da Global Lighting Association; Plínio Godoy, urban & technology designer na Citylights Urban Solutions, engenheiro elétrico e light designer responsável pela iluminação da Avenida Paulista, pelo Plano Diretor de Iluminação de Campos dos Goytacazes (RJ), e outros.

Também farão parte do debate Pedro Vicente Iacovino, diretor e presidente da Associação Brasileira de Concessionárias de Iluminação Pública (Abcip) e diretor de Caraguá Luz S.A; João Gabriel Almeida, professor e coordenador acadêmico em diversos cursos de pós-graduação na área de iluminação, atuou por mais de 20 anos na iluminação pública e eficiência energética da Cia. Energética de Minas Gerais e proprietário da Ceilux; e João Pedro Freire, engenheiro e especialista em iluminação, com projetos de grandes empresas em seu portfólio.

 

Para Beto, como o lighttuber é conhecido no meio, a virtualização da Expolux é a melhor maneira de atender o mercado em um momento que resultará em mudança no comportamento do consumidor e, consequentemente, novas necessidades. “A feira tem uma essência de inovação muito forte e isso é fundamental para as empresas neste momento. É preciso entender oportunidades e saídas não só para este momento atípico, mas para o pós-pandemia”, explica.

 

Ivan Romão, gerente de produto da Reed Exhibitions, organizadora da Expolux, conta que as lives e as webséries são o começo de um plano digital ainda maior. “Enquanto trabalhamos na feira do ano que vem, estamos organizando conteúdo em formato de séries, encontros e workshops técnicos on-line e, em breve, divulgaremos a programação completa”, diz. As webséries estão previstas para a partir de setembro.

 

Hoje, o visitante da Expolux tem informações concentradas no blog oficial e no site, onde já é possível, inclusive, prospectar negócios com marcas nacionais e internacionais. Com o programa matchmaking, expositores e visitantes são conectados de acordo com os interesses, produtos e serviços em comum. “Seja no formato tradicional ou virtual, nosso time está empenhado em trazer as melhores soluções para os setores técnico, decorativo e varejista”, finaliza Romão.

Mostrar mais

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo