Eletrônica e Informática

Instalações de geração própria com energia solar movimentam R$ 8 bilhões no primeiro trimestre

As novas instalações de geração própria de energia solar em telhados de residências e empresas atingiram um patamar recorde de R$ 8 bilhões em novos investimentos neste primeiro trimestre do ano, segundo mapeamento do Portal Solar, franqueadora com mais de 200 unidades espalhadas pelo país e cerca de 20 mil sistemas fotovoltaicos vendidos.

 

Pelo balanço da empresa, feito com base nos relatório oficiais da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) e da Associação Brasileira de Energia Solar Fotovoltaica (Absolar), entre janeiro e março deste ano, cerca de 200 mil novos consumidores adotaram a energia fotovoltaica como forma de aliviar os gastos com a conta de luz. No período, foram adicionados aproximadamente 2 gigawatts (GW) de capacidade operacional em telhados, fachadas e pequenos terrenos no Brasil.

 

Os sistemas solares instalados no primeiro trimestre de 2024 somam cerca de 100 mil novas conexões em residências, comércios, indústrias e propriedades rurais, que foram responsáveis pela geração de aproximadamente 60 mil empregos diretos e indiretos espalhados nas cinco regiões do Brasil.

 

Para Rodolfo Meyer, CEO do Portal Solar, o uso da energia solar pelas empresas e consumidores residenciais tem sido impulsionado pela queda do preço do equipamento, em torno de 40% nos últimos 12 meses. “Também é puxado pelo aumento do consumo caudado pela onda de calor no período, pela elevação da tarifa de energia elétrica no Brasil e pela busca por mais autonomia e conforto térmico”, diz.

 

“Preocupados com o aumento no consumo de eletricidade no período e a consequente elevação na conta de luz, os brasileiros passaram a optar por sistemas fotovoltaicos nos telhados, em busca de economia na na conta de luz e eficiência energética, além do fato de o país vivenciar uma boa queda na taxa de juros, que facilitou ainda mais o financiamento dos painéis solares pelos cidadãos em geral”, acrescenta.

 

De acordo com mapeamento do Portal Solar, o Brasil possui, desde 2012, mais de 28 gigawatts (GW) de potência acumulada da fonte solar em telhados, fachadas e pequenos terrenos, que abastecem mais de 3,5 milhões de unidades consumidoras no país.

Mostrar mais

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo