Metal Mecânica

Mercado de máquinas-ferramenta dos EUA fecha 2021 com recorde de pedidos

Os pedidos de tecnologia da manufatura no mercado norte-americano ultrapassaram US$ 5,9 bilhões em 2021, marcando o melhor ano de todos os tempos, de acordo com o Relatório de Pedidos de Tecnologia de Fabricação dos EUA, publicado pela AMT- The Association for Manufacturing Technology, no dia 14 de fevereiro. Os pedidos de dezembro de 2021 ficaram um pouco abaixo da marca de US$ 600 milhões, uma queda de 6,5% em relação a novembro de 2021 e um aumento de 33% em relação a dezembro de 2020. Agosto a dezembro de 2021 foi o primeiro período de cinco meses com pedidos acima de US$ 500 milhões, o que ajudou a encerrar o ano 55% acima do total anual de US$ 3,8 bilhões em 2020.

“Depois de cinco meses consecutivos de pedidos historicamente altos, é difícil descrever 2021 como algo que não seja excepcional”, diz Douglas K. Woods, presidente da AMT. Desde 1998, um trimestre com todos os meses acima de US$ 500 milhões aconteceu somente agora em 2021.

“Ao longo de 2021, indústrias e produtos que não eram tipicamente impulsionadores da indústria viram nível de atividade renovada”, observa Woods. A retomada do mercado de habitação residencial atingiu níveis não vistos desde antes da crise financeira de 2008, e o aumento da demanda do consumidor por bens duráveis ​​exigiu capacidade adicional em toda a indústria manufatureira. As retificadoras, que são necessárias para fabricar brocas e outras ferramentas exigidas na construção e fabricação, tiveram uma demanda enorme até 2021, segundo o executivo.

“Além da demanda por mudanças no comportamento do consumidor, a relocalização (reshoring) e a diversificação da cadeia de suprimentos impulsionaram a demanda por pedidos de tecnologia de fabricação em dezembro”, observa Woods. “Produtos que normalmente eram fabricados no exterior foram frequentemente sujeitos a atrasos no envio, portos lotados ou paralisações em toda a fábrica para impedir a propagação da Covid-19”, complementa, destacando que além dos fabricantes de moldes e matrizes, houve o aumento de pedidos de fabricantes de válvulas metálicas e fabricantes de hardware, molas e fios. Esse aumento pode ser atribuído à necessidade de superar os obstáculos da cadeia de suprimentos e às restrições de capacidade doméstica.

Dezembro de 2021 experimentou demanda particularmente grande de fabricantes de motores, turbinas e transmissão de energia. Essa demanda decorreu do interesse renovado em geradores menores, possivelmente em resposta às interrupções de energia vistas ao longo do ano, bem como geradores de gás natural maiores para adicionar capacidade geral à rede.

“Embora as previsões ainda exijam otimismo em 2022, esperamos ver alguma retração nos primeiros meses do ano”, diz Woods. “Os atrasos expandidos, a escassez de componentes- chave e as vagas não preenchidas prejudicarão nossas fortes taxas de crescimento no final de 2021, mas serão suavizadas à medida que o ano avança. Economistas e analistas do setor estão prevendo um aumento modesto de um dígito nos pedidos para 2022, exceto qualquer grande turbulência geopolítica”, conclui Woods.

Mostrar mais

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo