Metal Mecânica

Volume de robôs industriais instalados em 2021 bate novo recorde

Um volume recorde de 517.385 novos robôs industriais foram instalados em 2021 em fábricas ao redor do mundo. Isso representa uma taxa de crescimento de 31% ano a ano e supera o recorde pré-pandemia de instalação de robôs em 2018 em 22%. Hoje, o estoque de robôs operacionais em todo o mundo atinge um novo recorde de cerca de 3,5 milhões de unidades, de acordo com o mais recente relatório da International Federation of Robotics (IFR).

“O uso de robótica e de automação está crescendo a uma velocidade de tirar o fôlego”, diz Marina Bill, presidente da IFR. “Em seis anos, as instalações anuais de robôs mais que dobraram. De acordo com nossas estatísticas mais recentes, as instalações cresceram fortemente em 2021 em todos os principais setores de clientes, embora as interrupções na cadeia de suprimentos, bem como diferentes ventos contrários locais ou regionais tenham dificultado a produção.”

MERCADO REGIONAIS – A Ásia continua sendo o maior mercado mundial de robôs industriais. 74% de todos os robôs implantados em 2021 foram instalados no continente. Em 2020 foram 70%.

As instalações no maior mercado da região, a China, cresceram 51%, com 268.195 unidades. O estoque operacional ultrapassou a marca de 1 milhão de unidades (+27%). Essa alta taxa de crescimento indica a rápida velocidade da robotização na China.

O Japão permaneceu como o segundo maior mercado para robôs industriais. As instalações aumentaram 22% em 2021 com 47.182 unidades. O estoque operacional do Japão foi de 393.326 unidades (+5%) em 2021. Após dois anos de instalações de robôs em declínio em todas as principais indústrias, os números começaram a crescer novamente em 2021. O Japão é o país que mais fabrica robôs no mundo: as exportações de robôs industriais japoneses atingiram um novo nível máximo de 186.102 unidades em 2021.

A Coreia do Sul foi o quarto maior mercado de robôs em termos de instalações anuais, depois dos EUA, Japão e China. As instalações de robôs aumentaram 2% para 31.083 unidades em 2021. Isso ocorreu após quatro anos de números de instalação em declínio. O estoque operacional de robôs foi calculado em 366.227 unidades (+7%).

EUROPA – As instalações de robôs na Europa aumentaram 24% para 84.302 unidades em 2021. Isso representa um novo pico. A demanda da indústria automotiva se manteve estável, enquanto a demanda da indústria em geral cresceu 51%. A Alemanha, que pertence aos cinco maiores mercados de robôs do mundo, teve uma participação de 28% do total de instalações na Europa. A Itália seguiu com 17% e a França com 7%.

O número de robôs instalados na Alemanha cresceu 6% para 23.777 unidades em 2021. Este o segundo maior volume de instalações já registrado, após o pico causado por grandes investimentos da indústria automotiva em 2018 (26.723 unidades). O estoque operacional de robôs foi calculado em 245.908 unidades (+7%) em 2021. As exportações de robôs industriais da Alemanha aumentaram 41% para 22.870 unidades, superando o nível pré-pandemia.

A Itália é o segundo maior mercado de robôs na Europa. O principal motor de crescimento entre 2016 e 2021 foi a indústria geral com uma taxa média anual de crescimento de 8%. O estoque operacional de robôs foi calculado em 89.330 unidades (+14%) em 2021. Os resultados de 2021 foram impulsionados por efeitos de recuperação e de compras antecipadas devido à redução de créditos fiscais em 2022. Isso gerou um aumento de 65% nas instalações de robôs para um novo nível recorde de 14.083 unidades em 2021.

O mercado de robôs na França ficou em terceiro lugar na Europa em 2021 em instalações anuais e estoque operacional, atrás da Itália e da Alemanha. Em 2021, as instalações de robôs aumentaram 11% para 5.945 unidades. O estoque operacional de robôs na França foi calculado em 49.312 unidades, um aumento de 10% em relação ao ano anterior.

No Reino Unido, as instalações de robôs industriais caíram 7% para 2.054 unidades. O estoque operacional de robôs foi calculado em 24.445 unidades (+6%) em 2021. Isso é menos de um décimo do estoque da Alemanha. A indústria automotiva reduziu as instalações em 42% para 507 unidades em 2021.

AMÉRICAS – Em 2021, 50.712 robôs industriais foram instalados nas Américas, 31% a mais do que em 2020. Esta é uma recuperação notável, depois da queda devido à pandemia de Covid-19 em 2020. É a segunda vez que as instalações de robôs nas Américas ultrapassaram a marca de 50.000 unidades, com 55.212 unidades em 2018, estabelecendo o benchmark.

As novas instalações nos Estados Unidos aumentaram 14% para 34.987 unidades em 2021. Isso excedeu o nível pré-pandemia de 33.378 unidades em 2019, mas ainda foi consideravelmente menor do que o nível máximo de 40.373 unidades em 2018.

A indústria automotiva ainda é de longe o principal segmento de mercado com 9.782 unidades instaladas em 2021. No entanto, a demanda setorial vinha caindo continuamente há cinco anos (2016-2021). Em 2021, as instalações caíram 7% em relação a 2020.

As instalações na indústria metalúrgica e de máquinas aumentaram 66%, para 3.814 unidades em 2021, colocando esse setor em segundo lugar em termos de demanda de robôs. A indústria de plásticos e produtos químicos teve 3.466 robôs (+30%) instalados em 2021. A indústria de alimentos e bebidas instalou 25% mais robôs, atingindo um novo pico de 3.402 unidades em 2021. A indústria robótica, que oferece soluções de higiene, viu a demanda crescer durante a pandemia de Covid-19.

PROJEÇÕES – O aumento dos preços da energia, os preços dos produtos intermediários e a escassez de componentes eletrônicos estão desafiando todos os ramos da economia global. Mas as carteiras de pedidos estão cheias e a demanda por robôs industriais nunca foi tão alta. No total, as instalações globais de robôs devem crescer 10% para quase 570.000 unidades em 2022. O boom pós-pandemia experimentado em 2021 deve desaparecer em 2022. De 2022 a 2025, taxas médias de crescimento anual um dígito são previstas. (texto: Franco Tanio/foto: divulgação/IFR)

Mostrar mais

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo