Eletrônica e Informática

Axis cria subsidiária para projetar e produzir câmeras de rede à prova de explosão

A Axis Communications planeja desenvolver as próprias câmeras à prova de explosão e dispositivos de monitoramento de seu portfólio, por meio uma nova subsidiária, a Axis Ex AB. O sistema de controle de qualidade da nova empresa foi auditado e considerado em conformidade com os principais padrões internacionais, permitindo com que a marca fabrique e comercialize os próprios equipamentos à prova de explosão com homologação ATEX, IECEx, METLabs, entre outras certificações mundiais.

Em colaboração com parceiros de fabricação, a Axis conta com amplo portfólio de câmeras de rede à prova de explosão, desde 2015. Com o crescimento do mercado e o reconhecimento dos benefícios da tecnologia em muitos setores e ambientes industriais, esta mudança representa um importante passo para expandir a capacidade de desenvolver opções à prova de explosão para todo o portfólio de produtos. Com a fabricação própria, a Axis pode assumir total responsabilidade pelo design e qualidade dos dispositivos, da prancheta à entrega, do suporte técnico à assistência.

“Desde nossa entrada no mercado à prova de explosão, temos visto um sucesso comercial notável e aprendemos muito. Dada a natureza rigorosa das certificações exigidas de qualquer fabricante desse tipo de dispositivo, a decisão de assumir total responsabilidade pelo projeto e fabricação das soluções à prova de explosão representa um importante passo estratégico para a Axis. Os benefícios para nossos clientes serão substanciais, tanto pela nossa capacidade de adicionar proteção à prova de explosão a uma ampla gama de dispositivos quanto pela eficiência na comercialização”, comenta Jesper Olavi, diretor global de produtos e responsável pelo setor de câmeras à prova de explosão da Axis.

Ao submeter o sistema de controle de qualidade da empresa a uma auditoria que comprovou a conformidade com as normas ISO9001 e ISO 80079-34, os produtos Axis serão certificados para o uso em qualquer lugar do mundo, ao contrário de alguns dispositivos à prova de explosão que recebem apenas a autorização para determinada região. Com a fabricação própria, a Axis também poderá oferecer aos clientes uma garantia de 5 anos, um período de garantia longo comparado ao mercado.

Contudo, Jesper Olavi explica que os planos da empresa para dispositivos à prova de explosão não se limitam apenas às câmeras de vigilância em rede: “Embora as câmeras de rede Axis sejam essenciais para nossa oferta e tragam valor extraordinário para clientes de todos os setores e ambientes, continuaremos a inovar nossa gama de dispositivos conectados. A proteção à prova de explosão também será incorporada em muitos deles”, finaliza.

Mostrar mais

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo